Pular navegação

Como eu adoro trabalhar em consultoria e treinamento de empresários, recebendo o convite de escrever para este blog (que eu adoro!) resolvi criar a Dinâmica da Valise.


 
Veja bem, é simples: trata-se de uma dinâmica para lembrarmos daquilo que realmente importa na nossa vida, daquilo que nos faz bem no nosso dia-a-dia.
 
E aí? O que você colocaria na sua valise? Se você pudesse guardar na sua valise todas as coisas boas e significativas do dia, o que você guardaria? Você pode fazê-lo, é só começar.
 
Eu, por exemplo, hoje guardaria na minha valise logo de cara o sonho que tive à noite. Foi um sonho ótimo no qual desfrutei da companhia de pessoas muito queridas (o mais maluco é quando acordei dei-me conta de que havia sonhado e que nenhuma daquelas pessoas eu conhecia na vida real) oras, mas foi bom mesmo assim!
 
O dia começou e começaram a acontecer as coisas importantes, boas, marcantes: uma troca de olhares tão casual quanto marcante, a gentileza das pessoas na rua quando me dão informações, um moço explicando orgulhoso que ele mesmo faz as cocadas que vende para mim (e que eu adoro!), a troca de saberes com os alunos, o respeito, o auto-respeito, o convite para escrever este texto, a troca blogueira (quer coisa melhor que isto?).
 
Então é isso mesmo, podemos guardar as coisas boas que nos acontecem na nossa valise. Não aceitar lixo externo ou interno, ver, enxergar o que vale a pena. Tudo vale a pena quando a alma não é pequena, isto porque quando a alma não é pequena, tudo o quanto vemos é grande, coisas pequenas não nos prendem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: